Do discurso da criança “no” centro à centralidade da criança na comunidade

Teresa Vasconcelos

Resumo


O presente trabalho debruça-se de forma crítica sobre o discurso dominante de “a criança no centro”, des-construíndo este discurso neo-liberal à luz de uma teoria crítica e pós-moderna. Sugere o regresso ao conceito de criança membro de uma comunidade, demonstrando, através de um conjunto de conceitos teóricos – “conjuntos complexos”, “fronteira” e “agência relacional” – como a criança, quando inserida num conjunto intrincado de interações, deve substituir a criança “no centro”. Tece-se um conjunto de propostas para uma educação inscrita no futuro.

Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Licença Creative Commons
A Revista Investigar em Educação da SPCE está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN: 2183-1793