Carta a um jovem investigador em Educação

António Nóvoa

Resumo


Nunca hesitei tanto na preparação de uma conferência como desta vez. Andei para trás e para a frente. Escrevi e deitei fora. Papéis atrás de papéis. No dia em que perguntei ao meu filho, que anda, também ele, pelas vidas pós-doutorais, que estava a pensar escrever uma Carta a um jovem investigador, recebi a resposta que receava: “Hum! A coisa não vai correr bem…”.
Desisti e comecei a preparar uma intervenção mais normal. Mas a carta não me saía da cabeça, e venceu-me.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Licença Creative Commons
A Revista Investigar em Educação da SPCE está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN: 2183-1793